Conecte-se conosco

Regional

Copel investirá R$ 442 milhões no Centro-Sul e nos Campos Gerais em 2024

Publicado

em

O Montante integra os mais de R$2 bilhões que serão aplicados em obras de distribuição de energia em todo o Paraná ao longo do ano e vão reforçar a infraestrutura elétrica, além de contribuir para aumentar a qualidade do fornecimento de energia à população.

A Copel iniciou a execução de um amplo pacote de investimentos na região Centro-Sul do Paraná. Até o final do ano, a companhia vai destinar R$442 milhões à ampliação e modernização de subestações, linhas e redes e no desenvolvimento dos seus principais programas de melhorias. O montante integra os mais de R$2 bilhões que serão aplicados em obras de distribuição de energia em todo o Paraná ao longo de 2024 e vão reforçar a infraestrutura elétrica, além de contribuir para aumentar a qualidade do fornecimento de energia à população.

Uma parcela de R$117,9 milhões será direcionada a obras de alta tensão, que englobam a ampliação e modernização de subestações e linhas de distribuição. Um dos destaques é a fase final das obras para adicionar ao sistema a subestação Léa Martins, recém-construída em Ponta Grossa (Campos Gerais).

A companhia está instalando uma nova linha que vai conectar a unidade à subestação Sabará. São R$11 milhões destinados à nova linha e R$50 milhões ao empreendimento como um todo, o que inclui a própria subestação e outros trechos de linhas já concluídos.

Em Piraí do Sul (Campos Gerais) seguem as obras de construção da subestação homônima, que também vai operar em 138 mil volts. Com previsão para ser energizada no início de 2025, ela vai somar R$44,6 milhões em investimentos.

As melhorias na alta tensão, que ajudam a atender as demandas crescentes da região, também vão beneficiar a população de outros municípios. Em Prudentópolis, a Copel vai destinar R$15,8 milhões à ampliação da subestação que opera em 138 mil volts e leva o mesmo nome do município.

Em Imbituva, a unidade (138 mil volts), também homônima, ganhará R$23 milhões em obras de modernização. Ainda em 2024, a Copel vai aplicar R$1,5 milhão em melhoria na subestação de Cruz Machado (34,5 mil volts). Além desses empreendimentos, serão destinados mais R$36,4 milhões a obras menores em diversas subestações.

“Novas subestações e linhas contribuem para aumentar a capacidade de distribuição de energia aos centros de consumo. Elas são especialmente importantes em grandes centros urbanos, onde há uma demanda maior”, diz Edison Ribeiro da Silva, superintendente de Engenharia de Expansão da Copel.

Ele explica que, com novas unidades, é possível formar um anel elétrico, um conjunto de subestações ligadas em rede que funcionam como reforço umas das outras. “Isso significa que, se uma unidade apresenta um problema, uma das outras poderá atuar para que a energia seja distribuída por outras fontes, mantendo o fornecimento de energia à população”, completa.

PARANÁ TRIFÁSICO – Outros R$268,8 milhões serão direcionados para obras de média e baixa tensão, englobando a instalação de novas redes, modernização de equipamentos, substituição de transformadores e o atendimento às solicitações específicas dos clientes. Deste valor, R$141,3 milhões serão empregados em obras do Paraná Trifásico na região.

Com o programa, a Copel está ampliando e modernizando a infraestrutura elétrica no campo. As novas redes, além de mais resistentes, dispõem de equipamentos interligados e automatizados que, em caso de desligamentos, são capazes de restabelecer o fornecimento de energia em poucos segundos.

Pela iniciativa, a companhia já construiu 3,6 mil quilômetros de redes trifásicas no Centro-Sul. Em todo o Paraná, 15,3 mil quilômetros já foram entregues. Entre os municípios beneficiados na região, destacam-se Prudentópolis, com 213 quilômetros concluídos; Ponta Grossa (Campos Gerais), com 204 km; Reserva (201 km); Palmeira (193 km) e Ortigueira (187 km), ambas nos Campos Gerais.

REDE ELÉTRICA INTELIGENTE – Outros R$55,3 milhões serão investidos na Rede Elétrica Inteligente, maior programa de smart grids do Brasil. A iniciativa, que já instalou 660 mil medidores inteligentes em todo o Paraná, começou a ser implementada em municípios do Sudoeste do Estado, seguiu para a Região Metropolitana de Curitiba e, no final de 2023, chegou à Região Centro-Sul. Atualmente, a companhia está instalando os novos medidores em Ponta Grossa, Irati, Prudentópolis, São Mateus do Sul e Rio Azul.

A modernização dos medidores é acompanhada por investimentos em automação na rede da distribuidora, formando um conjunto que permite ao cliente acompanhar o consumo em tempo real, além de agilizar o atendimento – tanto para pedidos rotineiros, como a ligação e religação de energia, quanto nos casos de desligamentos ocorridos após um temporal, por exemplo.

Os novos dispositivos tornam automática a leitura do consumo, informam diretamente o centro de controle da Copel sobre falhas de energia e permitem comandos remotos para restabelecer o fornecimento de energia em caso de desligamentos, otimizando a administração dos serviços de eletricidade.

Foto: Copel

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Regional

Jovem morre em grave acidente na BR-277, em Irati

Publicado

em

Na madrugada deste sábado (24), por volta das 4h da madrugada, o Corpo de Bombeiros de Irati deu atendimento a um grave acidente, do tipo colisão frontal auto x caminhão, na BR-277, trevo secundário, em Irati.

A vítima fatal foi identificada como Fernanda Aparecida Santos, de 27 anos, natural de Fernandes Pinheiro.

Solicitante informou que uma colisão teria resultado em uma vítima presa nas ferragens, possivelmente em óbito.

Ao chegar no local foi constatado a colisão e a vítima em óbito presa nas ferragens do veículo.

Já estavam no local a PRF e DER fazendo a sinalização e controle do trânsito. O local ficou aos cuidados das equipes do DER e PRF e o corpo da vítima foi recolhido ao IML de União da Vitória.

Fonte: Folha de Irati

Continue Lendo

Policial

Em Paula Freitas homem é preso após furtar melancias, agredir casal e tentar roubar um carro

Publicado

em

Durante um patrulhamento rotineiro próximo à Delegacia de Polícia Militar de Paula Freitas, por volta das 19h30min de quinta-feira, 22 de fevereiro, um homem pediu ajuda para os policiais, relatando ter sido vítima de uma tentativa de furto e agressão por parte de um indivíduo.

Segundo o boletim de ocorrência, o solicitante, após chegar do trabalho, estava realizando a manutenção de seu veículo quando foi abordado por um homem que exigia que transportasse algumas melancias furtadas até a cidade de União da Vitória, Paraná. Diante da recusa, o indivíduo ficou alterado, proferindo ameaças de morte contra a vítima, chegando a aplicar um mata leão para imobilizá-lo.

O agressor, então, tomou posse da chave do carro da vítima e tentou fugir ligando o veículo. Contudo, o solicitante conseguiu segurá-lo pelo pescoço, impedindo sua fuga. Durante o tumulto, a esposa do homem correu para ajudá-lo, mas acabou sendo agredida com uma pedra nas costas e uma tijolada no braço.

Após a retirada do agressor do local, a vítima procurou ajuda, e foi neste momento que a equipe policial chegou e se deparou com o autor retornando à residência das vítimas, proferindo novas ameaças. Os policiais agiram prontamente, dando voz de abordagem ao agressor, que foi detido.

Durante a revista pessoal, foi constatado que o homem apresentava sinais de embriaguez, embora nada de ilícito tenha sido encontrado em sua posse. Diante dos fatos, o autor foi preso em flagrante e todas as partes envolvidas foram encaminhadas até a 4ª SDP para que as medidas cabíveis fossem tomadas.

Continue Lendo

Policial

Abordagem resulta na apreensão de substância análoga a maconha em União da Vitória

Publicado

em

zaions

Por volta da meia-noite de sexta-feira, 23 de fevereiro, no bairro São Cristovão, em União da Vitória, uma equipe policial em patrulhamento realizou uma abordagem que resultou na apreensão de uma substância análoga a maconha.

Durante o patrulhamento de rotina em uma área de baixa iluminação, os policiais avistaram um indivíduo caminhando pelo acostamento. Suspeitando da atitude do mesmo, decidiram proceder com a abordagem imediata.

Durante a busca pessoal, os agentes encontraram uma porção da substância suspeita, posteriormente identificada como sendo semelhante à maconha, que após pesagem resultou em 2,4 gramas. Diante desse achado, o indivíduo foi detido e conduzido ao 27º Batalhão de Polícia Militar para a lavratura do termo circunstanciado.

Continue Lendo
Publicidade

As mais Lidas