Conecte-se conosco

Policial

PESSOAS DESTROEM CABOS DA REPETIDORA DE TV NA SERRA DO TIGRE EM MALLET

Publicado

em

Essa semana a população malletense que acompanha as notícias do estado através da RPC, filiada da tv Globo de Curitiba, ficaram sem o sinal de transmissão que é gerada através de equipamentos instalados na localidade da Serra do Tigre em Mallet.

De acordo com a Secretaria de Administração que é responsável pela contratação de empresa especializada para a manutenção da torre, vândalos ou pessoas criminosas que simplesmente querem prejudicar as pessoas mais simples que não possuem outras alternativas de divertimento ou meio de comunicação para receber notícias e imagens do estado através de uma antena de tv de forma gratuita, cortaram os cabos que alimentam o processador e emitem o sinal para toda a cidade.

Segundo Cleber Engroff, secretário de Administração do município, a dificuldade nesse momento é justamente a contratação de profissionais capacitados para a realização do serviço, pois o processo de licitação que segue a obrigatoriedade da lei, está em andamento, então foi realizado um serviço de “solda manual”, possibilitando o retorno das imagens para que os canais não fiquem fora do ar. “Conseguimos realizar a emenda de forma segura para que não comprometa nenhum equipamento, assim a nossa população não ficará sem a retransmissão do sinal da tv Globo estadual em nossa cidade”, destacou Cleber a Studio W.

A prefeitura de Mallet informou que realizou essa semana a instalação de câmeras de vigilância para ajudar na identificação de pessoas que possam a vir novamente danificar os cabos e equipamentos da repetidora de tv aberta no município.

Redação: Equipe Studio W

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

PM DE REBOUÇAS E RIO AZUL CUMPREM MANDADO DE BUSCA E APREENSÃO EM RESIDÊNCIA

Publicado

em

Policiais militares de Rio Azul e Rebouças com apoio do Serviço Reservado da 8ª Cia cumpriram um mandado de busca e apreensão em uma residência na rua Padre Vicente Guadineri em Rebouças, nessa segunda-feira (10).

Durante buscas em uma residência foram encontradas três pedras de crack embaladas em papel alumínio. O rapaz que estava com os entorpecentes foi conduzido para a Delegacia, assim como os objetos e drogas apreendidas.

Fonte e Foto: Polícia Militar | Imagem meramente ilustrativa / Studio W
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página.

Continue Lendo

Policial

MULHER É ATROPELADA POR MOTOCICLETA EM UNIÃO DA VITÓRIA

Publicado

em

A equipe do Corpo de Bombeiros da cidade de União da Vitória, esteve prestando atendimento a uma situação de acidente de trânsito que foi registrado por volta das 18:20 horas dessa terça-feira (11).

De acordo com informações do sistema dos Bombeiros, a situação aconteceu na Avenida Paula Freitas, no Distrito de São Cristóvão, e envolveu uma motocicleta que acabou atropelando uma mulher.

Com a batida, a mulher de 50 anos de idade, sofreu ferimentos de pequena gravidade. Ela foi imobilizada e encaminhado pelos Bombeiros para receber cuidados médicos.

Fonte e Foto: Polícia Militar | Imagem meramente ilustrativa.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página.

Continue Lendo

Policial

POLÍCIA ENCONTRA MULHER EM CÁRCERE PRIVADO NA CIDADE DE BITURUNA

Publicado

em

Uma situação de violência doméstica e cárcere privado foi registrada pela Polícia Militar de Bituruna durante a noite dessa segunda-feira, 10 de maio, por volta das 19 horas no bairro Bela Vista.

De acordo com informações, depois de receber um chamado de violência doméstica, a Polícia deslocou até uma casa aonde conseguiu contato com uma mulher, a qual contou que estava sendo mantida em cárcere privado há cerca de um mês.

A vítima relatou que residia em Balneário Camboriú/SC, quando conheceu o homem. Ainda na cidade catarinense, ela sofreu agressões e quando procurou a Polícia local, foi obrigada pelo agressor a vir embora com ele para Bituruna.

Desde então, ela estava presa em casa, impedida de sair e de trabalhar, além de estar sofrendo agressões físicas e ameaças de morte. Ela ainda contou que teme pela sua vida e de seu filho de quatro anos, uma vez que, o homem afirma que irá matá-los caso denuncie.

A Polícia diante da situação, solicitou apoio da assistência social para auxiliar a vítima e realizou buscas pelo autor que havia se evadido no local. Entretanto, o agressor não foi encontrado.

Fonte e Foto: Canal 4
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página.

Continue Lendo
Publicidade

As mais Lidas