Conecte-se conosco

Geral

Epagri segue com inscrições abertas para bolsistas nas áreas de pesquisa agropecuária e inovação

Publicado

em

Divulgação/Epagri

A Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri) está selecionando 90 bolsistas para atuarem em suas unidades de pesquisa e inovação. São 90 vagas distribuídas em 14 unidades da empresa localizadas em 11 municípios catarinenses. Em Canoinhas, há três vagas para a Estação Experimental de Canoinhas.

O processo de seleção atende à Chamada Pública da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) n.º 17/2023. As inscrições estão abertas até dia 21 de janeiro.  A Epagri é uma empresa pública vinculada ao Governo do Estado de Santa Catarina por meio da Secretaria de Estado da Agricultura e da Pecuária. 

O objetivo da iniciativa é aportar capital intelectual para apoiar os projetos de pesquisa científica, tecnológica, de gestão da pesquisa e da inovação da Epagri. As vagas estão vinculadas ao Núcleo de Inovação Tecnológica da Epagri e aos Programas Técnicos institucionais de Aquicultura e Pesca, Desenvolvimento e Sustentabilidade Ambiental, Fruticultura, Gestão de Negócios e Mercado, Grãos, Olericultura e Pecuária, executados nas Estações Experimentais, nos Centros Especializados e na Sede Administrativa da Empresa.

“Estamos muito satisfeitos em dar início a esse processo que vai permitir que 90 profissionais atuem lado a lado com nossas equipes de pesquisa, se capacitando, compartilhando conhecimento e apoiando projetos voltados para o desenvolvimento sustentável dos meios rural e pesqueiro de Santa Catarina”, destaca o presidente da Epagri, Dirceu Leite.

VAGAS DAS BOLSAS

São 3 vagas para profissionais com doutorado, 34 vagas de nível superior, 26 para profissionais de nível médio e 27 para estudantes de nível superior. Elas estão distribuídas nos municípios de Florianópolis, Itajaí, Urussanga, São Joaquim, Lages, Campos Novos, Ituporanga, Videira, Caçador, Canoinhas e Chapecó. As atividades serão exercidas de forma presencial, com carga de 30 horas semanais.

Os valores das bolsas são: R$6,2 mil para profissional com doutorado, R$5,2 mil para nível superior, R$1,95 mil para nível médio e R$1 mil para estudante de nível superior. O valor global é de até R$6,5 milhões, para ser aplicado por até 24 meses.

ÁREAS DE CONHECIMENTO

As oportunidades oferecidas pela Epagri são nas mais diversas áreas do conhecimento, incluindo ciência de dados, economia, geoprocessamento, publicidade, jornalismo, design gráfico, piscicultura, maricultura, monitoramento ambiental, arquitetura, engenharia civil, fruticultura, hortaliças, grãos, leite, solos, enologia, fitossanidade, fitotecnia, desenvolvimento e sustentabilidade ambiental, entre outras.

O diretor de ciência, tecnologia e inovação da Epagri, Reney Dorow, vê esse processo como uma troca que impulsiona a pesquisa agropecuária e a evolução tecnológica em Santa Catarina, ao mesmo tempo em que oferece uma oportunidade inédita para jovens com formação adequada. “Ao entrarem na Epagri, esses profissionais vão contribuir, mas também aperfeiçoar seu olhar na área de pesquisa e inovação, para depois seguirem suas carreiras e continuarem se aperfeiçoando na área acadêmica”, afirma.

INSCRIÇÃO E SELEÇÃO

As inscrições para as bolsas estão abertas até 21 de janeiro de 2024. Os candidatos deverão se inscrever encaminhando a documentação obrigatória por e-mail para os endereços específicos indicados no edital, de acordo com a vaga de interesse. Clique aqui para acessar o edital e saber como participar.

A análise e o julgamento de mérito quanto à qualificação técnica terão caráter eliminatório e classificatório. Esse processo será realizado pelo gerente da unidade de pesquisa da vaga, com apoio do supervisor técnico ou de pesquisadores da área.

A Epagri vai divulgar o resultado final dos bolsistas selecionados no 5 de fevereiro. Após a publicação, os candidatos aprovados que não possuírem pendências coma Administração Pública Direta ou Indireta serão convocados de acordo com a ordem de classificação.

Confira o cronograma do processo de seleção dos bolsistas:

EtapasDatas
Lançamento do processo de seleção22/12/2023
Período da inscrição pelos e-mails indicados em cada vaga22/12/2023 a 21/01/2024
Avaliação de Admissibilidade e do mérito técnico pelos coordenadores dos projetos aprovados no Edital de Chamada pública 17/202322 a 24/01/2024
Entrevista25 e 26/01/2024
Divulgação do Resultado preliminar dos bolsistas selecionados (site da Epagri – https://www.epagri.sc.gov.br/)31/01/2024
Período para apresentação de recurso administrativo01 a 02/02/2024
Resultado final dos bolsistas selecionados05/02/2024
Início do processo de celebração do Termo de compromisso de bolsa com a FapescA partir de 07/02/2024

Modalidade de bolsas e valores:

ModalidadePerfil do bolsistaValor da bolsa (R$)Nº de vagas
DCR-CDoutor com menos de 5 (cinco) anos de titulação, com experiência comprovada na execução/coordenação de projetos científico-tecnológicos e de inovação e com publicações em âmbito nacional.6.200,003
DTI-AProfissional de nível superior com, no mínimo, 6 (seis) anos de efetiva experiência em atividades de pesquisa, desenvolvimento ou inovação.5.200,0034
SET-HProfissional de nível médio com, no mínimo, 4 (quatro) anos de experiência comprovada em atividades de pesquisa, desenvolvimento ou inovação.1.950,0026
SET-IAluno de nível superior, regularmente matriculado, com comprovada experiência em atividades de pesquisa, desenvolvimento ou inovação.1.000,0027

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Local

A Secretaria de Cultura e Turismo proporciona aos artesãos malletenses uma visita técnica na feira do Largo da Ordem em Curitiba

Publicado

em

A Prefeitura Municipal de Mallet , através da  Secretaria de Cultura e Turismo, proporcionou aos artesãos do município uma visita técnica até a grande feira do Largo da Ordem na capital  do estado.

Com o objetivo de oportunizar aos artesãos malletenses conhecer grandes feiras, ter novas ideias, pois muitas vezes as pessoas tem um grande potencial, mas falta oportunidade de ver algo diferente, se impressionar, viver outras experiências.

Segundo  os artesãos que participaram  desta viagem, destacaram a grande importância de participar de um  grande evento como este.

“Muito produtivo,muitas ideias, muitas conversas com os feirantes e muita coisa nova saindo. As vezes precisamos de uma luz”, destacou o grupo  de artesãos  de Mallet.

A Secretária Municipal de Cultura e Turismo Maria Margarete Grden Szinvelski comentou da felicidade  em proporcionar  novos caminhos  aos nossos  artesãos.

“Estamos muito felizes enquanto Secretária, pois demos oportunidade a este grupo de ver de perto uma grande feira.”, comentou  Margareth.

Continue Lendo

Geral

Terminou o período de defeso e piracema

Publicado

em

Depois  de 4 meses chega ao fim hoje a meia noite o período de defeso e piracema na bacia hidrográfica do Rio Paraná. 

Desde o 1º  dia de novembro de 2023, todo esse período, ficou restrita a atividade da pesca em toda a extensão da bacia, abrangendo não apenas o rio principal, mas também seus formadores, afluentes, lagos, lagoas marginais, reservatórios e demais corpos d’água inseridos na bacia de contribuição do rio.

A partir de agora, com o término do defeso, a pesca volta a ser permitida, desde que realizada de acordo com a legislação ambiental vigente.

Entre as espécies que estiveram protegidas durante esse período estão o bagre, dourado, jaú, pintado, lambari, mandi-amarelo, mandi-prata e piracanjuva.

É importante ressaltar que as espécies consideradas exóticas, que foram introduzidas no ambiente pela ação humana, como a carpa, corvina, tilápia e tucunaré, bem como os peixes híbridos resultantes do cruzamento de duas espécies, não estiveram sujeitas às restrições impostas pelo período de defeso e piracema.

Com o retorno da pesca, os pescadores devem seguir as regulamentações ambientais para garantir a preservação dos recursos naturais e a sustentabilidade da atividade pesqueira na região.

Continue Lendo

Geral

Policiais encontram homem embriagado caído em via pública e descobrem que ele havia rompido a tornozeleira eletrônica em União da Vitória

Publicado

em

A equipe da Polícia Militar de União da Vitória estava em patrulhamento pela Avenida Paula Freitas no Distrito de São Cristóvão, quando visualizou um indivíduo às margens da via caído e desacordado por volta das 21:20 horas dessa segunda-feira (26).

Os policiais de imediato realizaram a abordagem para verificar necessidade de atendimento médico e ao tentar conversar com o indivíduo, foi possível constatar que o mesmo apresentava sinais de embriaguez e de pronto desobedeceu às ordens policiais para que se levantasse e se identificasse.

Durante a orientação, o indivíduo desacatou a equipe e recebeu voz de prisão, sendo realizada pesquisa nos sistemas informatizados e foi constatado que o indivíduo fazia o uso de tornozeleira eletrônica, porém, havia registro de rompimento do aparelho no dia 21 de outubro de 2023.

O autor foi conduzido a 4ªSDP para as providências cabíveis.

Continue Lendo
Publicidade

As mais Lidas